Carta de serviços ao cidadão



1. Apresentação

2. Identidade Organizacional
2.1. Informações Básicas
2.2. Missão, Visão e Objetivos Gerais
2.2.1. Missão
2.2.2. Visão
2.2.3. Objetivos Gerais
2.2.4. Estrutura Gerencial
2.2.5. Formas de Comunicação com o usuário

3. Cursos oferecidos
3.1. Graduação
3.1.1. Presencial
3.1.2. A Distância
3.2. Pós-Graduação
3.2.1. Pós-Graduação Stricto Sensu (Doutorado e Mestrado)
3.2.2. Pós-Graduação Lato Sensu (Especialização)
3.3. Ensino Fundamental - Colégio de Aplicação

4. Serviços diversos
4.1. Preenchimento extra-vestibular de vagas remanescentes
4.2. Disciplina isolada
4.2.1. Graduação
4.2.2. Pós-graduação

5. Atividades diversas
5.1. Atividades de Extensão
5.1.1. Central de Estágios UFS - CENEUFS
5.2. Programas de assistência estudantil
5.2.1. Programa residência universitária
5.2.1.1. Programa bolsa-viagem
5.2.1.2. Programa bolsa alimentação
5.2.1.3. Programa bolsa trabalho
5.2.2. Programa de orientação
5.2.2.1. Atendimento Psicossocial
5.2.2.2. Acompanhamento Acadêmico
5.2.2.3. Coordenação de promoções culturais e esportivas (copre)
5.2.3. Outros programas de ensino, pequisa e extensão
5.2.3.1. Programas de ensino
5.2.3.1.1. Programa monitoria
5.2.3.1.2. Programa de educação tutorial (PET)
5.2.3.1.3. Programa de educação pelo trabalho para a saúde (PET-SAÚDE)
5.2.3.2. Programa de pesquisa
5.2.3.2.1. Programa institucional de bolsas de iníciação científica (PIBIC)
5.2.3.2.2. Programa institucional de bolsas de iniciação em desenvolvimento tecnológico e inovação (PIBITI)
5.2.3.2.3. O Programa institucional de bolsa de iniciação à docência (PIBID)
5.2.3.3. Programas de extensão
5.2.3.3.1. Programa institucional de bolsas de iniciação à extensão (PIBIX)
5.2.3.3.2. Programa de apoio à extensão - PROEXT/MEC/SESu
5.2.3.3.3. Programa ufs cultura
5.2.3.3.4. Programa empresa junior
5.2.3.3.5. Núcleo de estudos e pesquisas sobre o trabalho (UNITRABALHO)
5.2.3.3.6. Núcleo de ações e pesquisas para a terceira idade (NUPATI)
5.2.3.3.7. Núcleo de extensão e pesquisas em relações internacionais (NEPRIN)
5.3. Eventos e atividades diversas
5.3.1. A Semana de Arte, Cultura, Pesquisa, Ensino e Extensão da UFS
5.3.2. Palestras sobre "Os cursos de graduação da UFS"
5.4. Bibliotecas
5.4.1. Horário de funcionamento das bibliotecas
5.4.2. Serviços oferecidos
5.4.2.1. Consulta ao acervo geral
5.4.2.2. Biblioteca Digital de Teses e Dissertações - BDTD/UFS
5.4.2.3. Programa de Comutação Bibliográfica - COMUT

6. RESUN

7. Hospital Universitário
7.1. Especialidades médicas oferecidas pelo HU

Referências bibliográficas

1. Apresentação

A Carta de Serviços ao Cidadão, instituída pelo Decreto nº 6.932, de 11 de agosto de 2009, tem por objetivo informar aos usuários dos serviços disponibilizados pelos órgãos e entidades vinculadas ao Poder Público Federal, as formas de acesso aos mesmos, bem como os respectivos compromissos e padrões de qualidade de atendimento aos cidadãos.

Com a publicação de sua Carta de Serviços ao Cidadão, a Universidade Federal de Sergipe almeja reafirmar seu compromisso com a sociedade sergipana, atuando de forma ativa nos processos de aprofundamento da cidadania e de desenvolvimento da região.

Voltar



2. Identidade Organizacional

2.1. Informações Básicas

Denominação completa
Universidade Federal de Sergipe

Denominação abreviada
UFS

Principais atividades
Ensino, pesquisa e extensão.

Órgão de vinculação:
Poder Executivo da União: Ministério da Educação

CNPJ: 13.031.547/0001-04

Endereço completo da sede:
Cidade Universitária Prof. José Aloísio de Campos.
Av. Marechal Rondon S/N
Jardim Rosa Elze
CEP: 49100-000
São Cristóvão - Sergipe

Telefone: +55 (79) 2105-6600

Documentos que definem o funcionamento da UFS e de suas unidades

Estatuto da Universidade Federal de Sergipe
Disponível em:
http://acessoainformacao.ufs.br/sites/default/files/112/2199_estatuto_com_alteracoes_edicao_2010.pdf

Regimento Geral da Universidade Federal de Sergipe
Disponível em: Regimento Geral da UFS (arquivo PDF)

Regimento Interno da Reitoria
Disponível em:
http://acessoainformacao.ufs.br/sites/default/files/112/012005_alteracoes_regimento_int._reitoria.pdf

2.2. Missão, Visão e Objetivos Gerais

2.2.1. Missão
Contribuir para o progresso da sociedade por meio da geração de conhecimento e da formação de cidadãos críticos, éticos e comprometidos com o desenvolvimento sustentável.

2.2.2. Visão
Ser uma instituição pública e gratuita que se destaque pelo seu padrão de excelência, no cumprimento de sua missão.

2.2.3. Objetivos Gerais
A Universidade Federal de Sergipe tem como propósito básico a formação de profissionais cidadãos, a produção, difusão e conservação de conhecimentos de forma interativa com a sociedade, visando contribuir, assim, para o fortalecimento da democracia e a melhoria da qualidade de vida da população.

A UFS também tem como objetivo cultivar o saber em suas várias formas de conhecimento puro e/ou aplicado, propondo-se a:

  • formar recursos humanos de nível superior, em graduação e pós-graduação, para atender às necessidades locais, regionais e nacionais;
  • realizar pesquisas e incentivar atividades criadoras nos campos do conhecimento filosófico, científico, técnico e artístico;
  • estender à comunidade, com a qual deverá manter permanente intercâmbio, os programas de ensino e pesquisa, através de cursos ou atividades similares, e da prestação de serviços especiais;
  • investigar e oferecer soluções para os problemas relacionados com o desenvolvimento socioeconômico e cultural do estado, da região Nordeste e do país;
  • manter a indissociabilidade entre o ensino, a pesquisa e a extensão;
  • estimular a elevação do desempenho institucional, alocando e valorizando recursos humanos e viabilizando recursos materiais para isso necessários;
  • ser instrumento de equidade social, ofertando vagas indistintamente às diferentes camadas da população.

Voltar



2.2.4. Estrutura Gerencial

A Universidade Federal de Sergipe está organicamente constituída por dois subsistemas interdependentes: o Subsistema de Administração Geral (SAG) e o Subsistema de Administração Acadêmica (SAA).

O SAG é formado por três órgãos normativos, deliberativos e consultivos: o Conselho Universitário (CONSU), instância superior em matéria administrativa e de política universitária; o Conselho do Ensino, da Pesquisa e da Extensão (CONEPE), que trata de questões relativas ao ensino, pesquisa e extensão; e a Reitoria, órgão diretivo e executivo máximo da UFS.


A Reitoria é constituída pelos seguintes órgãos:

Setor
Gabinete do Reitor
Gabinete do Vice-Reitor
Coordenação Geral de Planejamento
Pró-Reitoria de Graduação
Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa
Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis
Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários
Pró-Reitoria de Administração
Gerência de Recursos Humanos
Procuradoria Geral
Prefeitura do Campus Universitário.


Subdivisões da estrutura administrativa

Unidades
administrativas/
Pró-Reitorias
Subunidades
administrativas
Gabinete do Reitor Assessoria de Comunicação Social (ASCOM)
Comissão Permanente de Sindicância e Processo Administrativo Disciplinar (CPSPAD)
Cerimonial
Hospital Universitário
(Órgão suplementar)
Comissão Permanente de
Pessoal Docente (CPPD)
Ouvidoria
Gabinete do Vice-Reitor Biblioteca central (Bicen)
(Órgão suplementar)
Colégio de Aplicação (Codap)
(Órgão suplementar)
Coordenação Geral de Planejamento Coordenação de Avaliação Institucional
Coordenação de Controle de Custos
Coordenação de Planejamento Acadêmico
Coordenação de Programação Orçamentária
Coordenação de Programas, Projetos e Convênios
Pró-Reitoria de Graduação Departamento de Administração Acadêmica
Departamento de Apoio Didático-Pedagógico
Coordenação do Concurso Vestibular
Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa Coordenação de Pós-Graduação
Coordenação de Pesquisa
Coordenação de
Assuntos Internacionais
e de
Capacitação Docente e Técnica
Centro de Inovação e Transferência de Tecnologia
Setor de Assessoria Linguística para Assuntos Internacionais
Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários Centro de Atividades de Extensão
Centro de Cultura e Arte (Cultart)
Museu do Homem Sergipano (MUHSE)
Rádio UFS
Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis Coordenação de Assistência e Integração do Estudante
Coordenação de Promoções Culturais e Esportivas
Restaurante Universitário (Resun)
Pró-Reitoria de Administração Serviço Geral de Comunicação e Arquivo (Secom)
Departamento de Recursos Materiais (DRM)
Departamento de Recursos Financeiros (Defin)
Gerência de Recursos Humanos Assessoria de Direitos e Deveres (Didev)
Departamento de Desenvolvimento de Recursos Humanos (DDRH)
Departamento de Avaliação e Assistência ao Servidor (Diase)
Departamento de Pessoal (DP)
Prefeitura da Cidade Universitária Departamento de Serviços Gerais (DSG)
Departamento de Obras e Fiscalização (Dofis)
Departamento de Manutenção (Deman)


Outros órgãos

Setor
Auditoria Interna
Centro de Processamento de Dados (CPD)
(Órgão suplementar)
Editora UFS
Museu de Arqueologia de Xingó (MAX)
Núcleo de Petróleo e Gás

Voltar




O Subsistema de Administração Acadêmica (SAA) tem como órgãos normativos, deliberativos e consultivos os Conselhos de Centro e os Conselhos de Departamento. Os Centros e os Campi são os órgãos executivos do Subsistema de Administração Acadêmica. Atualmente a UFS possui os 5 (cinco) Centros e 5 (cinco) Campi, que englobam os departamentos, núcleos de graduação e programas de pós-graduação.

Para acessar a lista com todos os Centros e Campi da UFS no SIGAA, clique aqui.

Para acessar a lista com todos os Departamentos e Núcleos de Graduação da UFS no SIGAA, clique aqui.

Para acessar a lista com todos os Programas de Pós-graduação da UFS no SIGAA, clique aqui.

O Subsistema de Administração Acadêmica também contempla 6 (seis) órgãos suplementares, responsáveis pelo desenvolvimento de atividades de natureza técnica, cultural, de ensino e de pesquisa especializada, e de apoio, dirigidas para a integração entre a Universidade e a comunidade interna e externa. São eles:

  • Biblioteca Central
  • Centro de Processamento de Dados
  • Colégio de Aplicação
  • Hospital Universitário
  • Restaurante Universitário

2.2.5. Formas de Comunicação com o usuário

  • Página na Internet - As principais notícias e informações institucionais da UFS estão disponíveis no site www.ufs.br
  • Ouvidoria - A UFS possui um sistema de Ouvidoria que pode ser acessado através do site www.sigaa.ufs.br através dos telefones 0800-0360000 / (79) 2105-6873 ou através do E-mail: ouvidoria@ufs.br. Para mais informações acesse: www.ouvidoria.ufs.br
  • Central de telefones: (79) 2105-6600 (Campus Universitário)

Voltar



3. Cursos oferecidos

3.1. Graduação

3.1.1. Presencial

Contribuir para o progresso da sociedade por meio da geração de conhecimento e da formação de cidadãos críticos, éticos e comprometidos com o desenvolvimento sustentável.

A UFS possui 24.819 alunos matriculados na graduação presencial. Em 2013, a UFS ofertou 5.500 vagas, em 106 opções de cursos presenciais ofertados nos campi de São Cristóvão, Itabaiana, Laranjeiras e Lagarto.

A Universidade Federal de Sergipe aprovou a adesão ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para o ingresso nos cursos de graduação a partir de 2014. Deste modo, a seleção para ingresso na UFS é feita exclusivamente via Sisu. A decisão foi tomada pelo Conselho do Ensino, da Pesquisa e da Extensão da UFS (Conepe). Apenas o curso de Música terá sistema próprio de seleção. Para mais informações sobre o sistema de seleção para o curso de Música acesse www.ccv.ufs.br

A adesão ao Sisu não afeta o programa de ações afirmativas, que reserva 50% das vagas, por curso e turno, para os candidatos que comprovem ter cursado 100% do ensino médio em escolas públicas das redes federal, estadual ou municipal. Dessas vagas que remanescerem, será reservada uma, por curso e turno, para candidatos com necessidades educacionais especiais.

O programa ainda reserva vagas para candidatos com renda familiar bruta igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo per capita e para àqueles com renda familiar bruta superior a 1,5 salário-mínimo per capita. Nesses grupos, há reserva de vagas ainda para os autodeclarados pretos, pardos e indígenas.

A UFS também oferece outras formas de ingresso, tais como a transferência externa (para estudantes de outras instituições de ensino superior), a readmissão (para ex-graduandos da UFS que precisaram abandonar seus cursos) e o ingresso como portador de diploma (para quem já concluiu algum curso de graduação). Para mais informações sobre essas modalidades de ingresso acesse a seção de Editais em presencial.ufs.br

3.1.2. A Distância

A UFS oferta mais de 5 mil vagas em Cursos de Educação a Distancia (EAD) através do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Nesta modalidade, algumas das atividades como palestras, aulas inaugurais e avaliações são obrigatoriamente presenciais, por isso o futuro aluno deverá ter a disponibilidade para comparecer ao Polo em que está matriculado, de acordo com data e horário previamente estabelecidos no calendário acadêmico.

O Processo Seletivo para ingresso nos cursos de graduação a distância da Universidade Federal de Sergipe (UFS) é gerenciado pela Coordenação de Concurso Vestibular (CCV), de acordo com regulamentação específica da matéria estabelecida pelo Decreto nº 5.800 de 8 de junho de 2006, pela Portaria nº 873 do Ministério da Educação e pela Resolução nº 55/2008, do Conselho do Ensino, da Pesquisa e da Extensão, observadas as condições estabelecidas no edital referente ao ano do processo em questão. Para mais informações sobre o Vestibular da EAD/UFS acesse www.cesad.ufs.br ou www.ccv.ufs.br.

Para conhecer a lista dos cursos de Graduação oferecidos pela UFS nas modalidades presencial e a distância, clique aqui.

3.2. Pós-Graduação

3.2.1. Pós-Graduação Stricto Sensu (Doutorado e Mestrado)

A UFS possui 47 Programas de Pós-Graduação Strictosensu, com 11 (onze) cursos de Doutorado e 45 (quarenta e cinco) de Mestrado.

Para mais informações sobre os cursos de Doutora e Mestrado e seus processos de seleção, clique aqui.

3.2.2. Pós-Graduação Lato Sensu (Especialização)

A UFS oferece em regimes especiais, obedecendo a projetos devidamente aprovados na Comissão de Pós-Graduação, cursos de Especialização abertos a candidatos diplomados em cursos de graduação.

Para mais informações acesse os cursos de Especialização ofertados pela UFS e seus processos de seleção, clique aqui.

Você também pode obter mais informações na página da Coordenação de Pós-Graduação http://pos.ufs.br/pagina/cursos-lato-sensu-1162.html

3.3. Ensino Fundamental - Colégio de Aplicação

A UFS oferece vagas para o Ensino Fundamental do 6° ao 9° ano e para o Ensino Médio. Desde o ano de 2009, o processo para ingressar no Colégio de Aplicação da UFS é feito por meio de Sorteio Público, através de Edital. O responsável pelo aluno, na data prevista no Edital, apresenta-se ao Codap a fim de realizar a inscrição do candidato. Consta do Edital, além do período de inscrição, a data, horário e local do Sorteio Público.

Para mais informações acesse o site www.codap.ufs.br ou entre em contato através dos telefones(79) 2105-6930 (Direção); 2105-6936 (Vice-Direção) ou 2105-6930 (Secretaria).

O endereço do Colégio de Aplicação da UFS é Av. Marechal Rondon, S/N, Bairro Rosa Elze, São Cristóvão/SE, CEP: 49100-000

Voltar



4. Serviços diversos

4.1. Preenchimento extra-vestibular de vagas remanescentes

Todos os semestres a UFS estabelece em seu Calendário Acadêmico o período para requerer ingresso na instituição, extra-vestibular, em vagas remanescentes, para os casos de Transferência Interna e Externa, Readmissão e Ingresso como Portador de Diploma.

Para mais informações acesse a seção de Editais da página presencial.ufs.br.

4.2. Disciplina isolada

4.2.1. Graduação

Destinam-se a portadores de diploma de curso superior.
Documentos necessários:

  • Carteira de identidade - fotocópia
  • CPF - fotocópia
  • Diploma - fotocópia
  • Histórico escolar
  • Programas das disciplinas que são pré-requisitos para as disciplinas solicitadas

Os originais dos documentos devem ser apresentados para que as fotocópias sejam autenticadas pelo DAA.

A cada semestre, o candidato pode solicitar até 6 disciplinas, mas ele só poderá cursar um máximo de 3. Pode-se cursar até 12 disciplinas em semestres consecutivos ou não.

A disciplina isolada deve ser solicitada em um semestre para ser cursada no semestre subsequente.

As datas em que devem ser feitas a solicitação e a matrícula são estabelecidas, a cada semestre, no Calendário Acadêmico, disponível em presencial.ufs.br.

O preenchimento das vagas se dá por ordem de chegada e será feito nas vagas que restarem após os ajustes de matrícula dos alunos regulares da UFS.

4.2.2. Pós-graduação

É permitido a qualquer pessoa portadora de títulos de graduação, especialização ou mestrado, não pertencente ao corpo discente da UFS, matricular-se em disciplinas isoladas integrantes dos currículos dos cursos de pós-graduação stricto sensu, desde que haja existência de vaga na disciplina e o colegiado defira o requerimento.

As disciplinas poderão ser escolhidas de acordo com a oferta de cada Programa de Pós-Graduação, divulgada nas secretarias e sites de cada Programa, observando as normas da Resolução nº 01/2010/CPG.

O candidato deverá verificar no calendário acadêmico da Pós-graduação o período das inscrições em disciplinas isoladas.

Para mais informação acesse o site www.pos.ufs.br

Voltar



5. Atividades diversas

5.1. Atividades de Extensão

A UFS oferece cursos, eventos e atividades de extensão em todas as áreas do conhecimento, voltadas à comunidade em geral. As informações referentes a cada curso, evento ou atividade podem ser obtidas no link de Extensão do site www.sigaa.ufs.br ou na página da Pró-Reitoria de Extensão www.proex.ufs.br.

5.1.1. Central de Estágios UFS - CENEUFS

Instituída a partir da Resolução nº 005/10/CONEP, a Central de Estágios UFS (CENEUFS) é uma coordenação de caráter operacional que gerencia as ações relativas à formalização das relações do Estágio Curricular Obrigatório e o Curricular Não Obrigatório no âmbito da Universidade Federal de Sergipe, orienta a comunidade acadêmica e a comunidade externa sobre a atual legislação de estágios, bem como informa aos alunos, através de seus coordenadores/supervisores de cursos e da própria CENEUFS, as disponibilidades de estágios oferecidos pelas empresas e/ou instituições que mantêm parceria com esta IFES.

A CENEUFS possui um banco de dados com mais de 6.000 alunos efetivamente cadastrados e 438 instituições parceiras. Suas instalações encontram-se na Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários, Prédio da Reitoria, 2º piso, com atendimento externo das 08 às 12 horas e das 14 às 18 horas.

Para mais informações acesse a página da Central de Estágios http://proex.ufs.br/pagina/central-est-gios-ufs-ceneufs-832.html ou entre em contato através do telefone (79) 2105-6560/6420 ou através do E-mail: estagioufs@hotmail.com

5.2. Programas de assistência estudantil

5.2.1. Programa residência universitária

Através da Resolução N° 25/2006/CONSU, o Programa de Residência Universitária é oferecido a estudantes matriculados em todos os campi da UFS. Assegura moradia em ambiente semelhante ao familiar, com residência diferenciada para homens e mulheres, contribuindo para a permanência dos estudantes na universidade por meio da concessão de valor para cobrir despesas com moradia, isenção no restaurante universitário, bolsa alimentação, isenções de taxas acadêmicas e apoio nos aspectos sócio-político-educativo-psicológicos no ambiente universitário. Para ser selecionado, deve ficar comprovada a necessidade de concessão do auxílio através da análise da situação socioeconômica do estudante. Os critérios para ser beneficiado pelo programa são: ter menor renda familiar; residir em cidades distantes da capital ou dos municípios onde estão sediados os campi da universidade; não possuir vínculo empregatício; e ser preferencialmente estudante calouro. As inscrições são efetivadas anualmente, sempre no início do ano letivo, e a seleção é feita pela CODAE, de acordo com a disponibilidade de vagas. Valor da bolsa: R$ 1.087,00 - Campus São Cristóvão. Já nos campi Laranjeiras, Itabaiana e Lagarto, por não haver Restaurante Universitário, o valor da bolsa é de R$ 2.060,00.

5.2.1.1. Programa bolsa-viagem

O programa tem como objetivo oferecer um auxílio financeiro aos estudantes que participam de eventos científicos fora do estado de Sergipe. Foi criado em 2006, através da Resolução No 04/2006/CONSU. O pedido do auxílio é individual e para ter acesso a ele é necessário que o estudante envie um ofício à PROEST. Além disso, o chefe do departamento ou do núcleo de seu curso deve também escrever um ofício, ratificando o pedido. No caso de trabalhos com vários autores, somente um pode requerer a bolsa. Segundo a resolução, a concessão da Bolsa obedecerá à análise de critérios socioeconômicos a serem procedidos de acordo com as normas estabelecidas pela PROEST.

5.2.1.2. Programa bolsa alimentação

Criado através da Resolução 037/2009/CONSU, o Bolsa Alimentação tem como finalidade atender estudantes que se enquadrem no perfil proposto pelo programa. Para ter acesso à bolsa, o estudante deve procurar a CODAE/ PROEST a fim de agendar entrevista com o Serviço Social e levar todos os documentos exigidos para comprovar sua necessidade de participar do programa. Podem ser beneficiados os estudantes dos campi onde não há Restaurante Universitário. Os bolsistas do Programa Bolsa Residência são isentos de pagamento no RESUN e recebem a bolsa alimentação para o café da manhã e para os finais de semana. Já os bolsistas do Programa Bolsa Trabalho não recebem uma bolsa, no entanto, são isentos de pagamento no RESUN.

5.2.1.3. Programa bolsa trabalho

Em vigor através da Resolução no 12/2005/CONSU, o programa tem por objetivo assistir ao estudante com renda familiar per capita baixa, regularmente matriculado nos cursos de graduação da UFS. Por meio dele, os estudantes são direcionados a setores da UFS para apoiar os serviços administrativos. A seleção é feita através de entrevista e avaliação socioeconômica e o aluno é incluído no programa conforme o surgimento das vagas. Cada estudante poderá permanecer no programa por no máximo dois anos. Valor da bolsa: R$ 400,00.

5.2.2. Programa de orientação

5.2.2.1. Atendimento Psicossocial

O que é? Um serviço prestado aos alunos assistidos pelos programas da PROEST em todos os Campi da UFS que apresentem problemas de ordem psicossocial.

Como funciona? O aluno pode se apresentar ao Núcleo de Assistência Psicossocial (NOAPS) de livre e espontânea vontade ou ser encaminhado pelo Serviço Social ou pedagogo da CODAE. Eventualmente o aluno poderá ser encaminhado por um colega do programa de assistência. O atendimento psicossocial é prestado pelo NOAPS, que é composto por psicólogo, assistente social e pedagogo.

Além do atendimento individual, o psicólogo realiza visitas domiciliares e nestas trabalha questões relativas ao aproveitamento acadêmico e relacionamento interpessoal que possibilite melhor integração dos estudantes no ambiente universitário.

5.2.2.2. Acompanhamento Acadêmico

O que é? Trata-se de atividade sistemática de acompanhamento pedagógico dos alunos inscritos nos Programas da CODAE com o objetivo de apoiá-los e orientá-los quanto às suas dificuldades acadêmicas. O acompanhamento acadêmico consiste na oferta de serviço que contribui para a permanência dos alunos nos programas até a conclusão da graduação, mas também é um estimulo ao fortalecimento de suas responsabilidades para com a universidade.

Como funciona? O histórico escolar fornecido pelo Departamento de Administração Acadêmica (DAA) é avaliado semestralmente. As situações-problema e irregularidades são identificadas e os casos tratados individualmente com entrevistas e avaliações por parte da equipe técnica (pedagogo, assistente social e psicólogo) da CODAE e, quando necessário, há o encaminhamento para a Comissão Auxiliar de Gestão composta por técnicos da CODAE e representante de alunos.

5.2.2.3. Coordenação de promoções culturais e esportivas (copre)

Tem como objetivo promover atividades complementares à formação acadêmica dos discentes da UFS. Diante do caráter de suas funções, envolve ampla área de atuação, estendendo-se por diversos campos: música, dança, teatro, esporte, pesquisa, entre outros. Desenvolve alguns projetos como: esporte no campus; palco aberto; apoio a eventos estudantis; mostra experimental de artes visuais da UFS, além do Caderno de Cultura do Estudante, que consiste em um periódico anual cujo objetivo é a divulgação de trabalhos científicos, contos, crônicas e poesias como forma de estimular o espírito de investigação e de criatividade dos estudantes.

5.2.3. Outros programas de ensino, pequisa e extensão

No âmbito do ensino, da pesquisa e da extensão, a universidade oferece alguns projetos que também são meios de contribuir para a permanência dos estudantes na UFS. É necessário esclarecer que estes não são específicos para estudantes que comprovem carência, pois são projetos para todos os estudantes que tenham interesse em participar. A seleção para bolsa fica a critério dos professores coordenadores dos projetos. Seguem alguns desses projetos.

5.2.3.1. Programas de ensino

5.2.3.1.1. Programa monitoria

Tem como objetivo oferecer aos acadêmicos de graduação a oportunidade de vivenciar experiências didático-pedagógicas com o apoio do professor orientador, que os auxiliará no desenvolvimento de habilidades ligadas ao exercício do magistério. É importante mencionar que a adesão ao programa faz-se por meio de seleção e o estudante precisa obter no mínimo média sete. Além disso, é preciso ter a mesma média na disciplina que irá exercer a monitoria. No programa são concedidas as modalidades de monitoria com bolsa e monitoria voluntária. Valor da bolsa: R$ 400,00.

5.2.3.1.2. Programa de educação tutorial (PET)

O Programa de Educação Tutorial foi criado para apoiar atividades acadêmicas que integram ensino, pesquisa e extensão. Formado por grupos tutoriais de aprendizagem, o PET propicia aos alunos participantes, sob a orientação de um tutor, a realização de atividades extracurriculares que complementem a formação acadêmica do estudante e atendam às necessidades do próprio curso de graduação. Valor da bolsa: R$ 400,00.

5.2.3.1.3. Programa de educação pelo trabalho para a saúde (PET-SAÚDE)

Apresenta os mesmos objetivos do Programa de Educação Tutorial, porém aplicados ao campo da Saúde. Está pautado na integração ensino-serviço-comunidade, caracterizando-se como instrumento para qualificação em serviço dos profissionais da saúde, bem como de iniciação ao trabalho e vivências dirigidos aos estudantes das graduações em saúde, de acordo com as necessidades do SUS. O programa PET-Saúde desenvolve suas ações em três linhas: Saúde da Família, Vigilância em Saúde e Saúde Mental. Valor da bolsa:R$ 400,00.

5.2.3.2. Programa de pesquisa

5.2.3.2.1. Programa institucional de bolsas de iníciação científica (PIBIC)

Foi a partir de 1990 que a UFS aderiu ao PIBIC, coordenado nacionalmente pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). É um programa que vem sendo amplamente materializado, contribuindo para a formação de recursos humanos destinados à pesquisa, para a melhoria da graduação e diminuição do tempo de permanência do aluno tanto na graduação quanto na pós-graduação. Valor da bolsa: R$ 400,00.

5.2.3.2.2. Programa institucional de bolsas de iniciação em desenvolvimento tecnológico e inovação (PIBITI)

O programa visa estimular os estudantes do ensino técnico e superior ao desenvolvimento e à transferência de novas tecnologias e inovação. Dentre os objetivos propostos, é importante destacar a formação e o engajamento de recursos humanos para atividades de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação, e proporcionar ao bolsista a aprendizagem de métodos e técnicas de pesquisa tecnológicos, entre outros. As bolsas serão destinadas a instituições públicas, comunitárias ou privadas. Ainda nesse mesmo viés existe o Programa de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação Voluntária (PIBITIVOL), com os mesmos objetivos do PIBITI, no entanto, os alunos são inseridos voluntariamente.

5.2.3.2.3. O Programa institucional de bolsa de iniciação à docência (PIBID)

Fomenta a formação inicial e continuada de profissionais do magistério, tendo como exemplo o Projeto -Universidade e Formação Docente: diálogo com saberes e práticas escolares‖, que foi realizado em 2011, com a participação de 15 subprojetos que envolvem as licenciaturas, visando promover inovações a partir de dois eixos norteadores: a valorização e o fortalecimento do diálogo entre as Licenciaturas, a fim de motivar um trabalho integrado e interdisciplinar e a consolidação de práticas de formação de professores vinculadas à realidade e ao cotidiano das escolas públicas.

5.2.3.3. Programas de extensão

5.2.3.3.1. Programa institucional de bolsas de iniciação à extensão (PIBIX)

Destina-se a incentivar a execução de projetos de extensão pelos professores e alunos da UFS. Atualmente o PIBIX é a referência entre os Programas Institucionais da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (PROEX), apresentando um aumento considerável em relação ao quantitativo de projetos contemplados com bolsas de extensão. As áreas temáticas desse programa são: Saúde; Educação; Direitos Humanos; Meio Ambiente; Tecnologia; Cultura; Trabalho e Comunicação. Valor da bolsa: R$ 400,00

5.2.3.3.2. Programa de apoio à extensão - PROEXT/MEC/SESu

É um programa de extensão coordenado nacionalmente o objetivo de viabilizar o desenvolvimento de programas e projetos de extensão universitária, com ênfase na inclusão social, visando aprofundar ações políticas que fortaleçam a institucionalização da extensão no âmbito das Instituições Federais e Estaduais de Ensino Superior.

5.2.3.3.3. Programa ufs cultura

Engloba alguns projetos: Projeto Sergipano de Orquestras Jovens - Orquestra Sinfônica Vale do Cotinguiba; Projeto Coral da UFS - CORUFS; Orquestra Sinfônica da UFS - OSUFS, e o Projeto Encontro Sergipano de Corais.

5.2.3.3.4. Programa empresa junior

Tem por objetivo prestar serviços de consultoria, assessoria e realização de cursos e eventos para a comunidade acadêmica e instituições públicas e privadas.

5.2.3.3.5. Núcleo de estudos e pesquisas sobre o trabalho (UNITRABALHO)

Desenvolve projetos no campo da economia solidária, por meio de assessoria contínua a empreendimentos econômicos solidários dos setores produtivos vinculados à alimentação, confecção, artesanato e resíduos sólidos. Além do acompanhamento aos empreendimentos, ministra diversos cursos e participa de seminários, reuniões e oficinas envolvendo gestores públicos, ONGs e movimentos sociais.

5.2.3.3.6. Núcleo de ações e pesquisas para a terceira idade (NUPATI)

Desenvolve vários projetos ligados à terceira idade, tendo como principal o Projeto Universidade Aberta à Terceira Idade - UNATISE. Desenvolve também o Canto Coral "vozes da sabedoria"; Curso Cuidadores de Idosos; Projeto Inclusão Digital - Informática Básica para a terceira idade; Laboratório de Prática de formação para estudantes da graduação.

Ações desenvolvidas

Projetos:

  • Universidade Aberta à Terceira Idade - Matrícula em disciplinas dos cursos de graduação da UFS
  • Centro Integrado de Apoio e Prevenção à Violência contra o Idoso.
  • Curso de Cuidadores de Idosos (Já foram realizados cinco cursos, estando o sexto em andamento)
  • Inclusão Digital - informática básica na terceira idade
  • Canto-Coral “Coral Vozes da Sabedoria”
  • Campanha Educativa: Idoso Consciente vota com sabedoria
  • Realização: em três oficinas, panfletagem e divulgação na mídia.
  • Divulgando Ações: Participação de membros do NUPATI/UNATI em eventos locais regionais e nacionais, com apresentação de trabalhos.
  • Laboratório de aprendizagem e formação na graduação/estágio curricular - cursos de serviço social, ciências sociais, turismo, ciência da computação, história.
  • Maturidade Solidária: Campanhas e oficinas nas Instituições de Longa Permanência, envolvendo estudantes da terceira idade, professores, estagiários do NUPATI.

Para mais informações acesse o site http://proex.ufs.br/pagina/n-cleo-pesquisas-es-terceira-idade-nupati-885.html ou a página do Nupati http://nupati.ufs.br/.

5.2.3.3.7. Núcleo de extensão e pesquisas em relações internacionais (NEPRIN)

Atua de forma fundamental na interlocução que a universidade vem estabelecendo com outros segmentos da sociedade em âmbito local, regional, nacional e internacional. O núcleo desenvolve várias ações junto à população carente do bairro Rosa Elze (São Cristóvão) e imediações, com objetivo de facilitar o acesso ao Judiciário.

Para saber mais detalhes sobre os programas e projetos de extensão, acesse: www.sigaa.ufs.br ou procure o seu departamento.

5.3. Eventos e atividades diversas

5.3.1. A Semana de Arte, Cultura, Pesquisa, Ensino e Extensão da UFS

A Semana de Arte, Cultura, Pesquisa, Ensino e Extensão da UFS (SEMAC) é um evento anual, com o objetivo de integrar as ações artístico-cultural-científica da UFS com a sociedade sergipana.

A I SEMAC ocorreu em entre 4 e 8 de Novembro, em todos os Campi da Universidade Federal de Sergipe, em espaços que abrigaram, exposições interativas e transdisciplinares, enfocando as produções dos Centros Acadêmicos e dos Órgãos Especializados e Suplementares e dos Eventos Acadêmicos, como congressos, seminários, exposição de banners, dentre outras ações.

Todas essas atividades acadêmicas acontecem de maneira integrada com a apresentação de espetáculos de dança, mostras artísticas, música, corais e cinema, compondo a face artístico-cultural deste evento e estimulando o encontro da Universidade Federal de Sergipe com a sociedade sergipana.

Os eventos oficiais da UFS, tais como o Encontro de Iniciação à Extensão, o Encontro de Iniciação Científica, O Encontro de Iniciação à Docência, O Encontro de Iniciação à Inovação Tecnológica e tantos outros promovidos pelas Unidades Acadêmicas ou Programas de Pós-Graduação acontecerão durante a Semana Acadêmica.

5.3.2. Palestras sobre "Os cursos de graduação da UFS"

Esta é uma atividade desenvolvida pelo NIUFEM/PROGRAD na qual é apresentado um panorama geral do ensino de graduação da UFS. As palestras tratam de questões tais como o perfil dos diversos cursos ofertados, a diferença entre cursos de licenciatura e bacharelado, organização administrativa dos cursos de graduação na UFS, horários e locais de funcionamento etc.

Esta atividade é realizada diretamente nas escolas das redes pública e privada, pelo coordenador do NIUFEM, mediante agendamento.

Para mais informações sobre a atividade entrar em contato com o NIUFEM através do telefone (79) 2105-6455 ou através do E-mail: nucleodeintegracao@ufs.br

5.4. Bibliotecas

A UFS possui um quadro composto por 6 (seis) bibliotecas distribuídas entre os campi da Instituição, a saber:

  • Biblioteca Central no Campus Prof. José Aloísio de Campos (BICEN);
  • Biblioteca do Campus da Saúde Prof. João Cardoso Nascimento (BISAU);
  • Biblioteca Comunitária (BICOM) - Junto ao Colégio de Aplicação ;
  • Biblioteca do Campus Prof. Alberto Carvalho (BICAMPI);
  • Biblioteca do Campus de Laranjeiras (BICAL);
  • Biblioteca do Campus Prof. Antônio Garcia Filho (BILAG).

As bibliotecas da UFS oferecem à comunidade universitária serviços e produtos de informação necessários ao desenvolvimento das atividades de ensino, pesquisa e extensão na UFS. Elas atendem tanto os usuários da comunidade interna (alunos do ensino fundamental, médio, graduação, pós-graduação, professores e técnicos), como os usuários da comunidade externa, para consulta.

5.4.1. Horário de funcionamento das bibliotecas

Bicen
Segunda a sexta-feira das 07h às 22h
Sábado das 08h às 13h*
* Horário pode sofrer alterações.

Bicom
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta-feira das 8h às 18h

Bisau
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta-feira das 7h30 às 18h.

Bicampi
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta-feira das 07h 30min às 22h*
Sábado das 08h às 12h*
* Horário pode sofrer alterações.

Bical
Horário de Funcionamento:
Segunda a sexta-feira das 7h30 às 21h30
Sábado das 8h às 12h*
* Horário pode sofrer alterações.

Bilag
HoráriodeFuncionamento:
Segundaasexta-feiradas7hàs19h
Sábadodas8hàs13h*
* Horário pode sofrer alterações.

5.4.2. Serviços oferecidos

5.4.2.1. Consulta ao acervo geral

As bibliotecas da UFS estão integradas a rede Pergamum - Sistema Integrado de Bibliotecas. O Pergamum funciona de maneira integrada, garantindo mais agilidade no acesso à informação.

Para consultar o acervo geral da UFS acesse o sistema através do endereço abaixo:
http://pergamum.bibliotecas.ufs.br/pergamum/biblioteca/index.php?resolution2=1024_1

5.4.2.2. Biblioteca Digital de Teses e Dissertações - BDTD/UFS

É uma base de dados que integra teses e dissertações produzidas nas Instituições de Ensino Superior (IESs). Para disponibilizar o texto no sistema da BDTD, o autor deverá encaminhá-lo através do Núcleo de Pós-Graduação a que estiver vinculado, juntamente com a autorização eletrônica. Ao acessar a BDTD, o usuário poderá fazer buscas de forma unificada a informações existentes nas instituições parceiras.

Para mais informações acesse o site www.bdtd.ufs.br/.

5.4.2.3. Programa de Comutação Bibliográfica - COMUT

Pedido de cópias de documentos técnico-científicos disponíveis nos acervos das principais bibliotecas brasileiras. Entre os documentos acessíveis, encontram-se periódicos, teses, anais de congressos, relatórios técnicos e partes de documentos. O serviço é oferecido no setor de Multímidia.

Para mais informações sobre as bibliotecas da UFS acesse http://bibliotecas.ufs.br/

Voltar



6. RESUN

O Restaurante Universitário da UFS é um importante espaço de convivência para os membros da comunidade universitária, em especial para os estudantes que são o maior contingente da comunidade acadêmica. O Resun tem como objetivo assisti-los com alimentação nutricional.

Ao usuário é garantida a possibilidade e o direito a refeições de qualidade a baixo preço e com proposta de revisão periódica do cardápio. O Resun fornece almoço e jantar e é, sobretudo, local de encontro e aconchego. No hall do restaurante acontecem diariamente, principalmente no horário do almoço, atividades culturais, promovidas pelos CA's, DA's, DCE, Proest e mesmo pelos Departamentos.

Outra coisa importante: o nosso restaurante também tem sido campo de estágio para alunos do curso de nutrição.

As formas de acesso: mediante a identificação, o usuário está dividido por categorias, com os seus correspondentes valores de pagamento, sendo os estudantes assistidos pelos programas da Proest isentos.

A partir do dia 1º de novembro de 2013 entrou em funcionamento o Sistema de Informação para gerenciar o pagamento das refeições e controlar o acesso ao refeitório.

Com isso, não será mais possível realizar o pagamento em espécie nos guichês do Resun. Todo o pagamento deverá ser feito através de GRU (Guia de Recolhimento da União) que já está disponível para geração e impressão no portal público do Sipac, cujo endereço é www.sipac.ufs.br. A confirmação do pagamento se dará de forma automática, com liberação dos créditos (refeições) após três dias úteis do pagamento. O saldo atual, histórico de compra e utilização dos créditos poderão ser consultados também no portal público do Sipac.

Dessa forma, os usuários irão apenas para a fila do refeitório, e poderão efetuar o pagamento da GRU com valores referentes a mais de uma refeição, com a possibilidade da recarga mensal.

Observações:

Para consultar as informações relativas aos créditos do Resun no Sipac, informe:

  • Alunos - matrícula (SIGAA);
  • Servidores - matrícula Siape;
  • Terceirizados - número do CPF.

Para acesso ao refeitório é necessário apresentar a carteira institucional da UFS (com código de barras) para todas as categorias, exceto terceirizados, que terão que apresentar documento com foto e número de CPF

A carteira de alunos válida é a que contém a matrícula SIGAA.

Terceirizados necessitam ser previamente cadastrados no Sipac pelos fiscais dos contratos.

Para mais informações acesse a página do Resun www.resun.ufs.br ou entre em contato através do telefone (79) 2105-6541 ou E-mail: resun@ufs.br

Voltar



7. Hospital Universitário

O HU é um hospital escola vinculado à Universidade Federal de Sergipe desde 1984, que presta assistência médico-hospitalar de média e alta complexidade, sendo referência no sistema único de saúde.

Voltado aos programas de assistência e inclusão social por meio de parcerias com órgãos públicos, desenvolve atividades de natureza preventiva e extensiva, através de programas nacionais de saúde e educação oferecidos à população sergipana.

Atualmente o HU possui 123 leitos, realiza mais de 10 mil consultas ambulatoriais e 200 cirurgias por mês em diversas especialidades.

O Hospital é totalmente integrado ao Sistema Único de Saúde - SUS e abriga em suas dependências, a unidade de Anatomia Patológica, o Núcleo de Processamento de Dados, o Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, a Administração, outros pavimentos ocupados por ambulatórios, e o anexo onde se desenvolvem os Serviços Complementares e Diagnósticos, além de 4 pavimentos destinados à admissão, laboratório de análises clínicas, SND, farmácia, CPRH, Centro Cirúrgico, com 3 salas de cirurgia e às enfermarias com capacidade máxima de 123 leitos, incluindo a UTI.

7.1. Especialidades médicas oferecidas pelo HU

  • Clínica Médica
  • AIDS
  • Clínica Geral
  • Pneumologia
  • Cl. Cirúrgica
  • Pediatria
  • Clínica Cirúrgica
  • Psiquiatria
  • Crônica
  • UTI Adulto

Para mais informações acesse o site www.hospital.ufs.br ou entre em contato através dos telefones (79) 2105-1742 (Recepção Geral); 2105-1700/1701 (PABX/Telefonia).

Localização: R. Cláudio Batista, s/n - Bairro Industrial. Aracaju - SE

Voltar



Referências bibliográficas

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE. Relatório de Gestão da UFS 2011. CASTANEDA, Marcos V. N. Gonzalez. SILVA, Luiz Marcos de O. (orgs.). São Cristóvão: COAVI/ COGEPLAN, 2012. 210 p. Disponível em: http://www.ufs.br/sites/default/files/relatorio_gestao_2011.pdf

_____ Plano de desenvolvimento institucional 2010-2014. FRANÇA, Lílian Cristina Monteiro [et.all] (orgs.). São Cristóvão: UFS, 2010. Disponível em: http://oficiais.ufs.br/sites/default/files/21/pdi_2010-2014texto.pdf

Voltar